50 games mais incríveis dos Anos 80 e 90

      1 comentário em 50 games mais incríveis dos Anos 80 e 90

Você sabia que o primeiro jogo eletrônico foi inventado em 1958 pelo físico Willy Higinbotham, mais conhecido por ter sido um dos criadores da bomba atômica? Tratava-se de um joguinho de tênis – mostrado em um osciloscópio – e processado por um computador analógico.

De lá para cá, há 64 anos, o mercado de games não para de crescer. Com um público tão vasto e diverso, movimenta bilhões todos os anos no mundo. A expectativa da consultoria especializada Newzoo é que o setor cresça 7,2% entre 2019 e 2023, superando a receita de US$ 200 bilhões por ano.

Mergulhando neste universo, elaboramos uma lista com os 50 games mais importantes, revolucionários e famosos dos anos 80 e 90, seja em PCs, arcades / fliperamas, consoles / videogames e portáteis (Game Boy / Mini Games). Conta para a gente quais eram os seus jogos favoritos e se você incluiria mais algum nesta lista!

Confira a lista dos 50 Games mais incríveis dos Anos 80 e 90: 

1 – Super Mario Bros 1, 2 e 3 / Super Mario World 1 e 2 / Super Mario 64 / Super Mario Kart

Lançado em 1990, o jogo Super Mário é um dos mais conhecidos e adorados do planeta! O Mario, encanador mais famoso do mundo dos games e mascote da Nintendo, e o seu irmão Luigi, são certamente um dos maiores fenômenos da história dos videogames. Tanto que os títulos da franquia fazem sucesso até hoje e acompanham a evolução das plataformas. Qual era o seu jogo favorito do Super Mario?

Super Mario Kart 

Super Mario Land Gameboy

2 – Sonic 1, 2 e 3 / Sonic The Hedgehog / Sonic Chaos 

Outro personagem lendário dos games nos anos 80 e 90: o simpático ouriço azul Sonic. O game tinha um visual todo colorido, assim como cenários repletos de loopings, moedas, atalhos, subfases e caminhos escondidos. O jogo foi um dos responsáveis por alavancar as vendas do console da empresa japonesa, que mantinha uma concorrência acirrada com a Nintendo. Lançado em 1991, o Sonic protagonizou as aventuras no Master System e no Mega Drive. Qual era o seu preferido Sonic ou Super Mario?

Mini Game Sonic

3 – Street Fighter II

Street Fighter II é considerado um dos melhores jogos de luta 2D de todos os tempos! Surgiu em 1991, desenvolvido pela Capcom diretamente para os fliperamas, mas foi muito disputado nas locadoras de games quando se tornou parte dos jogos do Master System e do Super Nintendo. O jogo agradou por ser simples e, ao mesmo tempo, equilibrado. Ryu, Ken, Chun-Li e Guile eram alguns dos personagens que cativaram pelos golpes interessantes, magias visualmente arrasadoras e gráficos que impressionavam. Em 1994, Street Fighter 2 virou febre entre a molecada e os estúdios de cinema se apressaram para fazer um filme. 

Street Fighter II Game Boy

Street Fighter II Fliperama 

4 – Mortal Kombat I e II

Um dos games de luta mais conhecidos entre os jovens da década de 1990, o Mortal Kombat – junto com Street Fighter – é considerado um dos jogos de luta mais influentes e bem sucedidas da época. Lançado pela Midway em 1992 e com uma boa jogabilidade, o game logo se tornou um fenômeno. Tanto que até hoje a franquia continua firme e forte, gerando várias sequências. O jogo original trazia uma rica mitologia, envolvendo universos paralelos, magia e ficção científica. Você curtia?

Mortal Kombat Game Boy

Mini Game Mortal Kombat

Arcade / Fliperama Mortal Kombat

5 – California Games / Jogos de Verão

Um dos meus jogos favoritos do Master System! California Games / Jogos de Verão fez bastante sucesso no mundo todo e no Brasil não foi diferente. No começo dos anos 90, o sucesso do jogo chegou a levar a Tec Toy a lançar uma edição do Master que vinha acompanhada do “Jogos de Verão”. O cartucho trazia minigames com esportes populares, como surfe, peteca, skate, bicicleta BMX e patins. Qual era a sua modalidade favorita? Eu adorava o Patins e BMX.

6 – Sim City

Quem por ai também já passou horas e horas tentando construir uma cidade dos sonhos?  Apaixonado por estudos urbanos, o designer Will Wright passou anos desenvolvendo um inusitado simulador de construção de cidades. Ambicioso e lúdico, SimCity foi um sucesso instantâneo e definiu um novo parâmetro de game. É um jogo de muita estratégia, em que qualquer ação errada pode comprometer a sua cidade.

7 – Pac Man

Acho que é unânime, o Pac-Man é um dos jogos mais populares do mundo! No Brasil, também conhecido como “come-come”, o game nasceu no Arcade e com o Atari se tornou eterno. Você sabia que a ideia do desenho original nasceu durante um jantar do criador com amigos, e deve-se a uma pizza sem uma fatia, que fazia lembrar uma boca aberta? Hoje, o Pac-Man tem amigos e é cercado por elementos 3D muito mais complexos. Também virou desenho animado e inspirou diversos outros jogos com a mesma mecânica. Você com certeza já jogou, né?

Arcade / Fliperama Pac-Man

Pac Man Game Boy

8 – Tetris

Outro fenômeno mundial, o Tetris foi desenvolvido pelo cientista da computação russo Alexey Pajitnov. O puzzle mais famoso do planeta foi lançado pela Nintendo, em 1989, para os consoles Super Nintendo e GameBoy, o que aumentou mais ainda o sucesso absurdo do jogo. Com a jogabilidade extremamente simples e viciante, o Tetris é um jogo atemporal que está presente em basicamente todas as plataformas. Você jogava Tetris?

Tetris Game Boy

Tetris Brick Game

9 – Doom 1 e 2

O Doom é um dos jogos antigos de tiro mais populares no mundo. Na verdade, é uma referência nessa modalidade, mais ainda do que seu antecessor, Wolfenstein 3D. O Doom trazia uma visível evolução dos gráficos e na jogabilidade, além de ter mais monstros, armas, habilidades, itens especiais, cenários e fases. Doom foi o responsável pela popularização dos jogos FPS (first person shooter) e serviu como inspiração para diversos jogos do gênero. Os gráficos do jogo eram insuperáveis para a época e a inteligência artificial dos inimigos era sem precedentes. Você jogava Doom? 

10 – The Legend of Zelda

Mais um fenômeno dos anos 80 e 90! Desde que estreou no NES, o Nintendinho, em 1985, The Legend of Zelda soma alguns dos fãs mais apaixonados do mundo dos games e encanta gerações de jogadores. Os jogos trazem sempre como protagonista o herói Link, responsável por proteger o reino de Hyrule. No entanto, cada título se destaca à sua maneira, com mecânicas novas ou formas diferentes de contar a sua história e, muitas vezes, servem de referência para diversos outros títulos. O primeiro The Legend of Zelda garantiu ao jogo um lugar no top 5 dos títulos mais vendidos para o NES, com 6,5 milhões de cópias.

The Legend of Zelda Game Boy 

11 – Donkey Kong / Donkey Kong Country 1, 2 e 3 / Dixie Kong’s Double Trouble

O macaco mais famoso da Nintendo, Donkey Kong, foi criado por Shigeru Miyamoto, em 1981. Ele foi idealizado juntamente com outro fenômeno dos videogames, Mario. No primeiro jogo da série, o encanador de bigodes tinha que salvar a princesa do terrível Donkey Kong. Depois do sucesso de Mario, os personagens foram separados e cada um ganhou uma sequência particular. Em 1994, a Nintendo apostou no macaquinho e desenvolveu o clássico Donkey Kong Country, que acabou sendo um verdadeiro marco na época.

Donkey Kong Game Boy

12 – Test Drive 1,2,3,4,5 e 6

Todos que gostam de jogos de corrida com certeza estão familiarizados com a franquia Test Drive. Uma extensa série que se iniciou em 1987 e tem títulos até hoje. Test Drive, por muito tempo, representou a elite em games de velocidade. A série principal conta com onze jogos lançados, além da série Off-Road, com quatro títulos, e quatro outros títulos paralelos, totalizando impressionantes dezenove Test Drive. Em todas as edições, uma constante: carros luxuosos correndo contra outros veículos ou contra o tempo em ambientes normalmente urbanos, com obstáculos como o tráfego e a polícia.

13 – Duke Nukem 3D

Tal como Wolfenstein 3D e Doom, Duke Nukem conquistou os fãs de jogos de tiro em primeira pessoa. Com dezenas de prêmios nas costas, o título continua sendo o rei dos games de ação. Duke Nukem 3D marcou época nos games graças a mistura de humor e ação explosiva em um jogo de 20 horas.

14 – Super Metroid

Foi considerado um verdadeiro marco na história dos videogames. O clássico 16-bits marcou gerações e até mesmo criou um novo gênero. Sem contar que o Super Metroid foi o primeiro jogo a conter 24 Megabits no cartucho, trazendo conceitos completamente novos a respeito de qualidade gráfica e sonora. Super Metroid foi, com certeza, um dos melhores jogos que passaram pelo Super Nintendo. Foi lançado em 1994 e é uma sequência direta de Metroid II: Return of Samus de 1991. Nele, o jogador controla a caçadora de recompensas Samus Aran, que viaja até o planeta Zebes para recuperar um Metroid roubado pelos Piratas Espaciais. Durante sua aventura, Samus encontrará aperfeiçoamentos para sua armadura ao mesmo tempo em que procura os chefes e seu objetivo final, o Metroid.

15 – Grand Theft Auto V (GTA)

Grand Theft Auto é sinônimo de polêmica desde o seu lançamento em 1997. E não é para menos, uma vez que o jogador assume o papel de um criminoso. O conteúdo do jogo, que explora assaltos, roubos de veículos, gangues de rua e assassinatos, teve efeitos completamente opostos. Por um lado, chocaram pelo estimulo a violência e, por outro tornaram a série extremamente popular nos PCs e consoles.

16 – Final Fantasy

É considerado por muitos games o principal jogo de RPG (Role Playing Game) de todos os tempos. Tanto que foram lançadas dezenas de edições do game, todas com enredos diferentes. E são justamente os enredos o diferencial aqui. A cada edição, o game se superava na história e na jogabilidade.

17 – Resident Evil

Lançado em 1996, Resident Evil até hoje é considerado um dos melhores games para o PSOne, e figura na maioria das listas dos melhores games da história. Tornou-se a franquia de jogos eletrônicos mais vendida da Capcom e uma das principais do gênero de jogos de terror, com 117 milhões de unidades vendidas em todo o mundo. A franquia tem sido bastante influente na cultura popular, sendo de inspiração na indústria de videogame, cinema e televisão.

18 – Tomb Raider

Lançado originalmente pela Eidos Interactive em 25 de outubro de 1996 para Sega Saturn e, posteriormente, em 14 de novembro do mesmo ano para PlayStation e PC, Tomb Raider mudou o mundo dos games de uma forma que ninguém jamais poderia imaginar. Após a metade dos anos 90 ter sido dominada por jogos 2D como Super Mario, Sonic the Hedgehog, Castlevania e Donkey Kong, o ano de 1996 foi intensamente marcado pelo surgimento dos gráficos 3D nos recém-lançados PlayStation, Sega Saturn e Nintendo 64. Ao lado de jogos como Quake, Resident Evil, Super Mario 64 e Crash Bandicoot, nascia o primeiro jogo totalmente feito em 3D: Tomb Raider.

19 – Carmen Sandiego / Where in the world is Carmen Sandiego? 

Por onde anda a ladra mais famosa da década de 1990? Criada por ex-funcionários da Disney, Carmen Sandiego viajava o mundo roubando objetos de valor em um game que serviria para ensinar geografia a crianças e adolescentes. Depois de conquistar legiões de fãs, Sandiego desembarcou também no mundo dos desenhos animados. Tanto o game quanto o desenho ficaram muito conhecidos aqui no Brasil. No jogo, sua missão é percorrer os mapas atrás da criminosa caçadora de relíquias, dando uma de detetive e traçando estratégias ao pesquisar locais e objetos envolvidos em seus crimes. O objetivo, claro, é farejar seus rastros para, enfim, capturá-la.

20 – Double Dragon

O Dougle Dragon foi um dos precursores dos jogos antigos de luta no lendário console Master System, da Sega. O jogo traz dois irmãos com habilidades de luta marcial que trabalham juntos para detonar os inimigos em inúmeras fases. O inovador desse game é poder jogar com dois jogadores de forma cooperativa. Depois de Double Dragon, muitos copiaram a fórmula, como o também histórico Streets of Rage.

Double Dragon Game Boy

Mini Game Double Dragon

21 – Prince of Persia

Dá-lhe nostalgia! Prince of Persia revolucionou a indústria de games com seus gráficos avant-garde, elementos de sombra e jogabilidade redondinha — isso sem contar o nível de dificuldade do jogo. Misturando ação e aventura, a missão do Prince of Persia era percorrer calabouços, masmorras e chegar até a torre do palácio persa, onde se encontra a filha do Sultão. Para isso, ele precisa passar por poucas e boas para, no final, enfrentar o grande vilão, derrotá-lo e salvar a donzela. Você já jogou?

22 – Command and Conquer

A série original de Command and Conquer foi a responsável por colocar o gênero de estratégia em tempo real no mapa. A fórmula deu tanto certo que a série ganhou uma longa sequência de jogos, além de diversos outros inspirados nela. Em todos os jogos, o jogador controla diferente núcleos da história principal, cada um com seus próprios objetivos.

23 – Shinobi 1,2 e 3 / The Revenge of Shinobi

Shinobi é uma das séries clássicas da SEGA, que fez muito sucesso no Mega Drive e no Master System, ainda que tenha nascido nos fliperamas. Também conhecida como “Shadow Dancer”, a saga te deixa controlar um ninja, capaz de lidar com os inimigos mais poderosos e estranhos, incluindo seres de outra dimensão. Ao lado de Sonic e Alex Kidd, Joe Musashi, o ninja titular de Shinobi, já foi mascote da SEGA nos anos 80 e 90.

Mini Game Shinobi

24 – Wolfenstein 3D

Considerado como um dos “avôs” do shooters em 3D, Wolfenstein 3D foi um jogo extremamente inovador para a sua época. Desenvolvido originalmente para DOS, o jogo conseguiu levar um para um plano 3D (ainda que bem rudimentar) toda a ação e violência típica dos jogos anteriores da franquia.

25 – Warcraft

Warcraft é uma das franquias da Blizzard Entertainment de maior sucesso de todos os tempos. Lançado na década de 1990, o jogo foi febre entre os fãs, mas só emplacou no cenário competitivo nos anos 2000, com Warcraft 3. O primeiro Warcraft trouxe o modo multplayer e levou os RTS a um novo patamar, servindo de inspiração para outras desenvolvedoras.

26 – Age of Empires

Age of Empires foi um verdadeiro fenômeno. Lançado pela Microsoft em 1997, marcou as gerações 90 e 2000 e faz sucesso até os dias de hoje. Além de agradar os jogadores casuais, o game de estratégia em tempo real (RTS) também movimenta torneios no mundo todo e o Brasil está ativo nessa cena. O mais interessante do jogo era avançar por diferentes eras, disponibilizando melhores unidades militares, melhores construções e tecnologias. Você jogava?

27 – GP-1

O GP-1do Super Nintendo (SNES) foi um dos primeiros jogos de Motovelocidade. Se não o primeiro jogo que simula um campeonato mundial de Motociclismo da categoria 500cc. Criado em 1993 pela empresa Atlus, o Jogo em si é bastante simples, sem muitas opções e nem complicações técnicas e bastante fácil de ser jogado.

28 – Super Mônaco GP

Com versões para Mega Drive, Master System e Game Gear, o clássico Super Mônaco GP levava as disputas da Fórmula 1 para o seu videogame, trazendo as pistas do Mundial no início na década de 1990. A jogabilidade era bem básica, mas a possibilidade de falhas mecânicas e perda de rendimento do carro ao longo das corridas tornava as disputas interessantes.

29 – Fifa International Soccer / Fifa 94

Fifa International Soccer, também chamado de Fifa 94, foi o primeiro jogo da popular série de futebol que é sucesso até os dias de hoje. Lançado em 1993 para Mega Drive e depois para outras plataformas como o Super Nintendo, Fifa 94 foi o primeiro game de futebol a usar um campo isométrico, com a visão na diagonal, e isso tornava muito difícil fazer gols. Como o primeiro Fifa, ele contava apenas com clubes nacionais e atletas com nomes fictícios. A inteligência artificial do jogo não era muito boa e isso garantiu o primeiro bug: quando o goleiro adversário ficava com a bola em mãos, pronto para chutá-la para o meio de campo, bastava se posicionar à frente dele para pegar a bola e fazer o gol.

30 – International Super Star Soccer

Provavelmente o jogo de futebol mais popular do SNES e dos anos 90, International Super Star Soccer Deluxe contava com 36 seleções, 16 formações e 7 modos diferentes de jogo, incluindo Copa do Mundo, disputa de pênaltis, treino, etc. Os jogadores de todos os times eram fictícios por motivos de direitos autorais. Mesmo antigo, seus gráficos e jogabilidade eram de alta qualidade. Você se lembra do Allejo? Considerado uma lenda do futebol virtual, o camisa 7 da Seleção tinha uma legião de fãs. Muitos diziam que ele era até melhor do que Pelé. Você concorda?

31 – Ninja Gaiden

Esse jogo ficou famoso no Nintendinho (NES) e no Master System na década de 1990, tanto pelo visual e temática, quanto pela conhecida dificuldade no gameplay. O  enredo conta a história de um ninja que recebe uma carta de seu pai, no Japão, pedindo para que ele viaje até a América para encontrar um arqueólogo que pode ajudar a encontrar duas estátuas que, se unidas, podem destruir o mundo com sua magia. Daí em diante, a trama se desenvolve na busca pelas estátuas e em muita luta pelo caminho.

Ninja Gaiden Game Boy

32 – NBA Jam

Lançado em 1993, o jogo NBA Jam deu origem a um novo gênero na categoria de jogos de esportes, que passaram a se basear em conceitos como agilidade, ação e doses extras de realismo. Uma fórmula que acabou sendo usada mais tarde pela própria desenvolvedora do NBA Jam, a Midway, nos jogos NFL Blitz, de futebol, e no Open Ice Challenge, de hockey.

33 – Tartarugas Ninja / Teenage Mutant Ninja Turtles

Antes de ser um popular desenho, as Tartarugas Ninja nasceram em histórias em quadrinhos dos anos 80 como uma forma de sátira. Com o incrível sucesso do desenho, surgiu então o primeiro jogo, produzido pela Konami para o Nintendo 8 Bits, baseado ainda nas Hqs. Neste título, jogadores escolhem uma das quatro tartarugas: Leonardo, Raphael, Donatello ou Michelangelo, e exploram o mundo, podendo então entrar em bueiros ou prédios que por sua vez iniciam fases de ação em duas dimensões. O título ficou conhecido por sua extrema dificuldade e não ter muito do estilo do desenho. Pouco após o jogo ter sido lançado para o NES, surgiu a verdadeira explosão das Tartarugas Ninja nos videogames: a versão para fliperamas. O título impressionou ao apresentar uma extrema fidelidade aos traços e humor do desenho, aliados a uma fórmula clássica beat’em up, que já fazia sucesso desde títulos como Double Dragon.

Tartarugas Ninja Game Boy

34 – Golden Axe

Golden Axe foi lançado pela SEGA, originalmente para as máquinas arcades. Posteriormente, ele estreou também para os videogames Master System (da geração 8 bits) e Mega Drive (16 bits), conquistando rapidamente diversos lares pelo mundo. Devido ao grande sucesso, a série ainda teve duas continuações: Golden Axe II e Golden Axe III, que não repetiu o carisma conquistado pelo primeiro título.

Mini Game Golden Axe

35 – Asterix

O gaulês mais popular dos desenhos animados também contou com presença marcante no console de 8-bit da SEGA por meio de um jogo de plataforma bem básico onde você navegava lateralmente, da esquerda para a direita, trocando sopapos com inimigos que iam surgindo na tela. O interessante é que Asterix trazia um senso bem simplista de estratégia: você poderia escolher entre o personagem titular (mais rápido, porém fisicamente mais fraco) ou o seu companheiro de “amplo porte” Obelix (lerdo pacas, mas capaz de quebrar blocos sem dificuldade). As fases — sete no total — eram relativamente longas para o padrão da época, trazendo diversas mecânicas empregadas até hoje, como power ups e caminhos secretos para progressão.

36 – Alex Kidd in Miracle World

Alex Kidd foi o protagonista de uma série de videogames produzidos pela SEGA entre o final dos anos 80 e início dos anos 90. O personagem e seus jogos (como Alex Kidd in Miracle World, o jogo contido na memória do Master System II e III brasileiro) inicialmente fizeram sucesso, a ponto da Sega aproveitar sua imagem como seu mascote oficial. Na geração 16 bits, como a Nintendo cativava o público mais infantil, a Sega resolveu trazer seus jogos para o Mega Drive, assim sendo o videogame para o público jovem da época. O Alex Kidd foi visto como um personagem infantil, o que atrapalharia a campanha do console. Em 1991 ele foi substituído pelo Sonic the Hedgehog.

37 – Chrono Trigger

Tendo nada mais, nada menos, que Akira Toriyama (autor de Dragon Ball) entre os seus criadores, Chrono Trigger possui uma das trilhas sonoras mais elogiadas dos videogames. Em um mundo de magia, os jogadores podem comandar os personagens por meio de um mapa aéreo ou em telas específicas. Ao encontrar inimigos, o jogador tem opções de ataque, defesa e cura de ferimentos.

38 – Star Fox

Star Fox foi um dos primeiros jogos a utilizar de tecnologia 3D, naquela época algo extremamente revolucionário. O jogador comanda uma nave e tem uma barra de vida que, conforme a máquina sofre danos, diminui de tamanho. O objetivo era muito simples: derrubar todos os inimigos antes que a barra acabasse por completo!

39 – Top Gear 2

Referência em jogos de corrida nos anos 90, Top Gear 2 até hoje traz boas recordações para os amantes da velocidade. O game traz elementos bem interessantes, como a possibilidade de ganhar dinheiro e ir aprimorando o carro ao longo da competição. Condições meteorológicas (como chuva e neve) podem afetar o desempenho do carro. Por isso, é sempre bom escolher bem os pneus. Qual era o seu jogo de corrida favorito?

40 – Castle of Illusion: Starring Mickey Mouse

Simplesmente adorava! Castle of Illusion é um dos grandes sucessos do Master System. Estrelado pelo mascote da Disney, Mickey Mouse, é considerado o jogo mais vendido do Master System (ranking feito pela Tectoy). O jogo é muito bem feito e agrada de crianças a adolescentes que gostam de bons jogos no estilo Ação/Aventura.

41 – Streets of Rage

Streets of Rage é uma série de jogos eletrônicos centrada nos esforços de vários heróis que tentam livrar uma cidade do domínio de um sindicato do crime. A trilogia original de jogos foi desenvolvida pela Sega para o Mega Drive nos anos 90 e, desde então, foi relançada em várias plataformas.

42 – Battletoads

Do clássico do videogame ao viciante do arcade, esse jogo fez muita criança ficar com bolha no dedão. É um jogo de até 2 personagens (sapos lutadores) que podem lutar juntos, ao mesmo tempo, contra os inimigos.

43 – Ayrton Senna’s Super Monaco GP

Em 17 de julho de 1992 chegava ao mercado o game Ayrton Senna’s Super Monaco GP II, um jogo que marcou o Mega Drive e especialmente os fãs brasileiros, pelo envolvimento do lendário piloto de Fórmula 1. Ayrton Senna estava no auge de sua carreira, sendo que em 1991 já havia conquistado o tricampeonato mundial de F1 – a sua última grande conquista. Foi quando a TecToy teve a ideia e a iniciativa de aproveitar a popularidade do campeão para se fazer um game, projeto esse que foi levado para a Sega no Japão, e claro, aceita de imediato – Senna era tão famoso lá no oriente como era aqui no Brasil. Assim nasceu Ayrton Senna’s Super Monaco GP II, que além de contar com a presença do piloto virtualmente, também teve sua colaboração pessoal, ao lado dos desenvolvedores da Sega, sugerindo mudanças para transformá-lo em um dos jogos de corridas mais complexos e divertidos da época.

44 – Pokémon / Pokémon Red/ Blue/ Yellow / Gold / Silver

Pokémon é simplesmente um dos maiores sucessos já lançados nos games em todo o mundo. O RPG, que nasceu no Game Boy, já possui dezenas de jogos em sua série, entre títulos principais e spin-offs. A saga inicial começou no Japão, com Pokémon Green, mas ganhou força com a chegada do desenho animado ao ocidente, que trouxe também os games Pokémon Blue e Pokémon Red e demais cores ao longo dos anos. A vontade de sair pelo mundo capturando todas as criaturinhas e batalhando contra outros treinadores é algo que dura até hoje, em títulos mais recentes.

45 – Alley Cat

O Alley Cat fez o maior sucesso nos anos 80 e 90, apesar do seu visual e áudio primitivos à la Atari 2600. Se você tem 30 anos ou mais, provavelmente já se aventurou pelos becos desse jogo muito antes dos gatinhos se tornarem mundialmente os queridinhos dos usuários de computador. No game, você controla um gato e tudo se passa em um beco com uma cerca ao redor de um prédio. Das janelas do prédio, os moradores tacam objetos (como sapatos e telefones) e você precisa se desviar deles. Eventualmente, pode aparecer um cachorro e começar uma briga.

46 – Space Invaders

Dentro do seu gênero, Space Invaders foi o título mais bem-sucedido da época, e colocava você no controle de uma navezinha com o objetivo de destruir todos os alienígenas. As fases se tornavam cada vez mais difíceis e era necessário muito reflexo para evitar os ataques oponentes.

47 – River Raid

River Raid foi um dos jogos mais inovadores do Atari. Ao contrário da maioria dos outros jogos de avião/nave, aqui a tela não era fixa, e você precisava sobrevoar um rio com uma tela em movimento que sempre apresentava mais obstáculos à frente. O jogo também inovou com a possibilidade de controlar a velocidade do avião e com um um sistema de abastecimento. O jogo vendeu mais de 1 milhão de cópias.

48 – Full Throttle

O jogador conduzia o protagonista Ben, líder da gangue de motoqueiros The Polecats, por meio de um enredo bem amarrado, cheio de mistérios e brigas. Um clássico do point and click, jogo que só acontece se o usuário solucionar uma espécie de quebra-cabeça, Full Throttle conquistou diversos fãs nos anos 90.

49 –Phantasy Star

Um nome tão antigo quanto seu legado que perdura até hoje. Phantasy Star foi possivelmente o melhor RPG da geração 8-bit, lançado exclusivamente no Master System e trazendo elementos tão refinados que servem de inspiração para Mass Effect e outros RPGs de ficção científica até hoje. O jogo era extremamente belo visualmente, com um enredo cativante e uma fuga do lugar-comum. O gênero na época era povoado de jogos tematizados na época medieval, com espadas e magia tomando o destaque. Phantasy Star foi o primeiro jogo da história a mudar esse conceito, investindo em aliens, exploração espacial e uma trama futurista que misturava mágica e tecnologia.

50 – Wonder Boy III: The Dragon’s Trap

Possivelmente um dos mais primários — e divertidos — jogos de ação em progressão lateral, Wonder Boy III é o melhor título de uma franquia muito bem-sucedida da geração 8-bit. Você assumia o papel do personagem-título e, em alguns minutos, já invadia um castelo, enfrentando um ciclope e um robô-dinossauro que o transformava em um dragão após derrotado.

Falando em Games, confira também os jogos antigos mais famosos do Windows: 

Jogos antigos mais famosos Windows Anos 80 e 90

Compartilhe!

1 thought on “50 games mais incríveis dos Anos 80 e 90

  1. Toninho

    Lembro bem da febre do Brick game, só via as pessoas com um com aquele sonzinho chato, rsrs.
    Eu gostava de perder horas desafiando.
    Mas o Atari foi a grande sacada nesta epoca.
    Bela postagem.
    Grato pela viagem.

    Reply

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.