Carros anos 80

No setor automotivo, a década de 80 foi marcada pelos lançamentos do Gol, Voyage, Parati, Saveiro, Santana e Quantum pela VW; Del Rey, Pampa e Escort pela Ford; Spazio, Oggi, Panorama, Uno, Prêmio, Elba e Fiorino pela Fiat; Marajó, Monza, Chevy 500, Kadett e Ipanema pela GM. Já no modelo esportivo, destaque para o Passat GTS Pointer, Escort XR3, Monza SR, Uno 1.5R, Kadett GS, Gol GT/GTS e o primeiríssimo carro nacional com injeção eletrônica, o Gol GTI, lançado em 1989.

VW - Gol

VW - Parati



VW - Saveiro


VW - Santana


VW - Quantum


 Ford - Del Rey


Ford - Escort


Fiat - Oggi


Fiat - Panorama


Fiat - UNO


Fiat - Elba


GM - Marajó


GM - Monza


GM - Ipanema



GM - Kadett

33 comentários:

Denise disse...

Noooossa!! Meu pai teve um Voyage a álcool, que era uma bomba pra ser bem sincera hahahaha... No inverno mesmo, que coisa horrível, meia hora pra ligar o carro, e mais meia hora pa esquentar ehehehe..

Adri Ferreira disse...

Faltou a BRASÍLIA.. hehehehe
BJu

Pepi disse...

Muito legal esta postagem
Lambeijinhos mil

By Alê disse...

Show de bola, estou comentando sua postagem em meu blog, sobre os carros nos anos 80, clique em meu nome e confira. Parabéns pela postagem, valeu. Abraços.

Anônimo disse...

Faltou o opala

Raquel disse...

Meu pai tinha uma Marajó, prata. Minha melhor lembrança: as viagens que eu e minha irmã íamos na mala. A mala da Marajó era gigante! - pelo menos era para mim.
Lembro muito bem da sensação do carpete aspero, do cheiro de carro velho, do "quebra-vento" que jogava um vento delicioso na nossa cara (os carros novos não tem mais isso! p q?)
E da frase célebre: Abaixa que seu pai vai passar em frente a polícia. - da época q eu e minha irmã só queríamos viajar na mala.
bjo

Helô disse...

Ai, eu tenho um voyage 82, comprado 0 pelo meu avô. Amo. Só troco quando ele parar de vez.
Meu pai teve um Oggi e vários 147. Ele diz sempre que não se fazem mais carros como antigamente. Concordo plenamente...

Anônimo disse...

"...e o primeiríssimo carro nacional com injeção eletrônica, o Gol GTI, lançado em 1989." VW é alemã, a única marca nacional que de fato tenho orgulho é a Gurgel que o governo Collor enterrou para sempre. Certos aspectos do passado não são como pensávamos.

Artilheiro disse...

Ahhhhh Kadett!!
Meu pai tinha um Kadett 94 Cereja!! Era o melhor que eu na época achava em 120Km/h não temia!! Eu achava um máximo!! suahsua
Enquanto o Fuscão que meu pai tinha antes nos 80Km/h já ficava com medo da pista e tremia!!

thiago.lins disse...

Faltou a Belina II. Meu pai tinha, um carro de luxo, super confortável. Muito bonito e com um espaço espetacular. Bons tempos automobilisticos.

thiago.lins disse...

Os carros da Ford, sempre foram presentes na nossa garagem nos anos 80 e 90. Corcel, Belina, Verona, Escort e Fiesta. Carros maravilhosos.
Conforto q fica a desejar nos Fords atuais.

erik disse...

é um ford fusion não tem conforto nenhum...

Anônimo disse...

so falto o opala ne.

sweetrevenge disse...

eu tenho um kadett 92 aindakkkkk

Beto SC disse...

Bons tempos. Nos anos 80, meu pai teve Opala e Caravan 250-S, Alfa Romeo 2300 ti-4 1984 (tirado zero km). O Alfa era belíssimo, tinha até freio a disco nas 4 rodas. Meu primeiro carro em 1989 quando completei 18 anos foi um Del Rey GLX 1986 dourado, em 1991 troquei por um XR-3 e depois por um Monza.

Ewerton Bastos disse...

Aprendi a dirigir numa Caravan 81, da minha idade, tinha só 11 anos só dava pra olhar entre o volante e o painel, lembro disto até hoje. Quando fiz 18 comprei um Kadett 2.0 parecia possuido, andava muito, tempo da gasolina 1 real.

Anônimo disse...

Citaram o opala, a belina e a brasilia como faltando no assunto "carros dos anos 80", é bom lembrar que eles surgiram na década 60 e 70.

Anônimo disse...

Se esqueceu do Opala, um icone do automobilismo brasileiro desde 1969 até 1992.

Anônimo disse...

EU ADORO OS CARROS DOS ANOS 80!!!SOU APAIXONADA POR PASSAT E GOL...TENHO UM GOL QUADRADO 91.NAO TROCO POR NADA!!!

Anônimo disse...

so faltou o meu fusca 82 a alcool branco na epoca era show de bola

Anônimo disse...

nossa amei,estas fotos,mas eramos muito pobre so sonhava em ter um monza,mas com trinta anos pode realizar este grande sonho,em 2002 tive um monza ano 1985,hoje trabalho na matriz da toyota no japao mas ficou marcado pra sempre tsu-shi mie ken japao

Breno Freitas disse...

Gostei muito dessa reportagem! Eu tenho um Fiat Elba Weekend, verde, e é um carro nota 10, pois nunca me deixou na mão, e é mais confortável, espaçoso, econômico e ágil que muito carro atual!

Anônimo disse...

Faltou o Maverick...

Gabriel Cóser Design disse...

a parati jah decada de 90...a de 80 possui a mesma grade do golzinho a cima dela na foto...o voyage ta certa a foto...sei pq meu pai tinha um gol 81...

Anônimo disse...

Nosso primeiro carro foi uma Veraneio (Chevrolet) de cor verde escuro. O carro era muitíssimo macio e cantava pneus facilmente nas curvas. Um carrao.
O mais engracado e interessante com o carro foi em 1992 quando eu era Aspirante à Oficial de Infantaria do Exército e meu pai foi me levar ao Quartel onde eu servia em Deodoro (RJ). Assim que nos aproximamos do portao, o Sargento da Guarda ordenou ao Corneteiro dar o toque de chegada do General. Ainda era 5 da matina e estava tudo breu. O Sargento e os Soldados da Guarda só foram me reconhecer depois que o corneteiro já havia iniciado o toque. "Ah, é voce? Que susto!" dissera o Sargento. E todos morreram de rir da pagacao de mico da Guarda.

Anônimo disse...

Fiat Panorama. Meu coroa teve uma... MEDO. =()
Visual bizarro com teto em 2 níveis diferentes. Mecânica complexa para época, já que na época a FIAT tinha pouco tempo de Brasil.
Peças caras, duas portas apenas,motor fraco para a categoria.
O velho literalmente se casou com o carro, pois para revender depois, foi um sufoco.

Anônimo disse...

Faltou uma foto do Monza Hatch,o
primeiro Monza lançado no país em
1982,o melhor e mais bonito carro
dos anos 80.

Anônimo disse...

Na década de 80 os carros eram mais mecanizados atualmente os carros tem sensores pra todo lado se der defeito ta ferrado ja ouvi caso atualmente de carro ta parado por falta de assitência técnica especializada, na década de 80 se os carros dessem defeito era so limpar o carburador e trocar as velas e o carro voltava a funcionar e na década de 80 não existiam motor 1.0 que eu acho foi uma praga que se instalou no brasil a partir de 1991 com a uno na década de 80 os carros tinham motores 1.6 pra cima, outra coisa que chama atenção na década de 80 é que os carros não saiam de linha facilmente, atualmente o modelo é lançado e daqui a um ano já muda farol lanterna para choque e etc, quando não muda tudo,minha familia tinha um Del Rey ano 88 que era impressionante, mala gigante, espaço interno sensacional, motor 1.6, suspensão macia era gostoso de andar depois comprou um Monza SLE ANO 86 também muito macio os bancos todos de veludo motor 1.8 Direção Hidráulica, e o acabamento interno era sensacional quase todo de veludo, saudades destes dois carros, isso sem falar num Gol Plus ano 86 que meu irmão teve que tinha um motor 1.6 AP que andava muito era lindo este gol cor vermelho rodas de magnésio. Atualmente pra você comprar um carro confortável que lembre o Monza o Del Rey o Santana você gasta no mínimo uns 50 mil reais e mesmo assim ja vi muito carro de 50 mil que são duros de andar bancos desconfortáveis acabamentos inferior aos carros da década de 80 atualmente se usa muito plástico nos carros e faz o carro com o tempo começar a bater tudo ou ringimentos terríveis,um carro da década de 80 que não possui mas dirigi muito porque era de um amigo meu foi um Passat Pointer ano 87 que carrão motor 1.8 AP rodas magnésio andava muito entrava nas curvas acelerando e o carro não saia de curva uma estabilidade impressionante e ainda tinha um porta malas legal, realmente os carros da década de 80 deixam saudades e até hoje penso em comprar um carro da década de 80 para reviver momentos.

Anônimo disse...

Ipanema era carro de funerária.

A linha quadrada da VW (Parati, Gol, Santa) era excelente, aqueles motores davam de mil nos motores de hoje, atualmente carro VW é lixo!

emerson freitas disse...

no meu tempo erá um passt TS zero km , depois gol plus 1985 voyage plus 1986 e santana CD 1986,

luiz gustavo disse...

adoro carros antigos lembro q meus tios sempre quando vinha em casa vinha em um diferente.rsrsr hoje tenho um chevette hatch 80 gasolina 1.6...que nao troco por carro novo nenhum...um abraços a tds.

Anônimo disse...

Pq voces nao tiveram uma ferrari ainda galera ... quando tiverem vao esquecer essas merdas ai... !
Abs

Anônimo disse...

Eu tive um fuscão rodonas esportivas, um Opala SS 72, um chevette "Tubarãozinho, uma belina LDO um Del Rey Ghia Muito resistente e fáceis de consertar. Se paravam, bastava uns pedaços de borracha ou arame e um alicate,kkk. Hoje tenho uma zafira que até já saiu de linha, acho. Mas não abro mão do meu kadetão 94 completo 2.0. Esse, dá muito "pau" em muito carrão novo por aí. E melhor, se estraga, eu mesmo conserto!