20 thoughts on “MIRC (1995)

  1. Perdido

    Eu frequentava o #sub_mundo, não tinha muita gente, mas era otimo.

    Engraçado que quis voltar ao mirc esses dias e descobri que a Brasnet/Brasirc não existem mais!!! 🙁

    Reply
  2. Marina Purri

    Nussa…

    o mIRC pra mim foi uma doença…
    Só acessava depois da meia noite, pra pagar um impulso só. E ficava até o dia raiar…
    Passei uns dois anos virando noite ali.
    Participava do #bh, aonde desenvolvi habilidades incríveis de ler milhões de mensagens por segundo e ainda respondê-las na mesma velocidade!!
    No #anti-nerd concentravam-se os maiores nerds de BH. Turminha boa. Sempre nos encontrávamos para jogar Master ou jogar sinuca 🙂

    Reply
  3. Caroline Santos

    Aiiiiii
    Que tudo!!!
    Participava de
    #sergipe
    #brasil

    com nick escorpiana / eescorpiana / eeescorpiana

    hahaha
    depois pulei para o msn!

    Reply
  4. Unknown

    nem lembro meus nicks ou os canais, mas costumava ficar nos mais "exclusivos" panelinhas hahahahahh isso em 97 ~ 99 sempre de madrugada!

    Reply
  5. Unknown

    #ringue … ah que saudades.
    ICQ … idem!

    ICQ#4922798. Ainda lembro do meu uin…rs

    mtas saudades daquela época. Mas temos que crescer, certo?

    []s e bjos
    ToM_r

    Reply
  6. kassia

    pow…nem é taum velho assim kkkk conheci meu namorado…hj noivo no mirc….kkkkk e quem naum tinha um fotolog???o pai do orkut!!!

    Reply
  7. MillHouse

    nossa mIRC eu entro ate hj, na rede UnderNet nick MillHouse #Rio-Preto #Brasil muitooo massa =)
    ICQ logo abaixo comecei pelo ICQ – 51155488 😀

    Reply
  8. Unknown

    ai voltou onde, como faz pra entrar??? ainda tem gente???
    Rapaz, eu era tao viciada, virava noites…também pegava de madrugada pq era um pulso no na net discada né?! srrsrsrs Era muito legal conheci montao de gente e eu nunca era eu…ehehhehe

    Reply
  9. HEREGE

    Muuuito bom isso!! Q saudade meu! Meu nick sempre foi HEREGE heehehe Fiz muitos amigos no mirc…entrava depois da meia noite tb hahaha q bom recordar.

    Reply

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *